Numa onda Paleo, e depois de um dia cheio de trabalho, salvou-nos o jantar a picanha da Quinta dos Açores. Acompanhámos esta refeição sem hidratos com salada de tomate, pimento, pepino, cebola-roxa, bolbo de funcho e com rodelas de ananás.

 

  1. Comece por aquecer a sua frigideira grill até esta estar mesmo bem quente. Pincele-a com manteiga ou banha.
  2. Grelhe a carne de todos os lados. Certifique-se que usa uma tenaz de cozinha para manusear a carne enquanto a mesma é cozinhada. Evite facas e garfos, pois estes fazem orifícios na carne, os quais deixam libertar alguns sucos, que se encontram presentes nas fibras.
  3. Tempere a carne com sal e pimenta enquanto a grelha. Temperar previamente a carne com sal vai fazer com que esta comece a destilar e desidrate e o que queremos é uma carne suculenta.
  4. Depois de bem selada por todos os lados, deixe que o corte de picanha repouse uns minutos antes de fatiá-lo. Tempere cada fatia com sal e pimenta a gosto.
  5. Se achar que a carne se encontra mal passada, pode levar as fatias à grelha até obter o ponto de cozedura desejado.
  6. Entretanto, vá preparando a salada com tomate aos gomos, pimento às tiras, pepino, cebola-roxa e bolbo de funcho. Perfume com orégãos e tempere com azeite e vinagre de maçã.
  7. Acompanhe a picanha com a salada acima descrita e com rodelas de ananás dos Açores.

Refeição mais saudável e açoriana não há!

Comments are closed.